domingo, 3 de maio de 2015

Não tome o chá de sene para emagrecer sem ler isso antes

O chá de sene é um bom remédio para prisão de ventre. Mas você poderá prejudicar a sua saúde se usar por muito tempo. Clique aqui para saber a melhor forma de emagrecer.



Se vem escrito "extrato vegetal" ou então "substância natural" na embalagem de um produto, então você pode tomá-lo, certo? Errado. Mesmo frutas, chás de folhas e raízes podem ser perigosos se o seu corpo não estiver apto a recebê-lo.

Quer um exemplo? O romã pode ser um santo remédio para diminuir dores de garganta e se recuperar de gripes e de resfriados. Mas o mesmo chá de romã tem efeito abortivo - uma grávida não poderia tomá-lo. O abacaxi é rico em bromelina, que auxilia na digestão das proteínas. Só que, ao mesmo tempo, o abacaxi pode agravar os sintomas de quem sofre de gastrite.

E também tem aquele ditado de que o que diferencia o remédio do veneno é a dose. O gengibre é um exemplo: pode oferecer alívio ao estômago em pequenas quantidades - mas irritá-lo em maiores.

O chá de sene, que tem sido assunto entre os que buscam emagrecer também exige muitos cuidados. As folhas de sene tem valor medicinal e podem, sim, contribuir para a melhora da sua saúde. Só que o chá de sene é uma faca de dois gumes: basta usar o sene do modo errado para que você prejudique a sua saúde.


É verdade que o sene ajuda a emagrecer?
Folhas de sene: podem ser tanto remédio
quanto veneno
O sene (em chá ou em cápsulas) pode ajudar a emagrecer, sim, se você sofre de prisão de ventre. Só que o sene só deve ser usado se você já tentou uma alimentação rica em fibras e associada à muita água e o problema não foi resolvido. Por exemplo, esse shake caseiro de mamão com linhaça já estimula o funcionamento intestinal. 

O sene é um medicamento natural que pode ser usado em emergências. Em 10 horas, ele exerce o seu efeito purgativo. E, quando resolvido o problema da prisão de ventre, o corpo funcionará melhor.

Entenda como funciona o sene
O sene estimula o trânsito intestinal - mas faz isso irritando a parede do intestino. O sene também inibe a absorção de água, fazendo com que o bolo fecal fique mais mole.

Para emagrecer, é importante que o intestino funcione bem. Um processo digestivo mais rápido é fundamental para acelerar o metabolismo. E, aí, o sene pode ser usado em situações emergenciais de prisão de ventre. O sene consegue cumprir muito bem a sua função de laxante natural.

Uso prolongado de sene trás riscos
Mas o uso prolongado ou em doses elevadas do sene pode trazer, pelo contrário, malefícios. Lembra que o sene exerce sua função laxante ao irritar a parede intestinal? Pois é, isso pode trazer efeitos colaterais. Você pode ter fortes cólicas e enjoos.

Mas isso nem é o pior: como todo laxante, o sene pode fazer com que o intestino fique "preguiçoso". Cria-se uma dependência da substância para realizar a digestão. 

O sene também interfere na absorção de gorduras e sais minerais. Assim, você poderá até emagrecer com o uso, mas estará pondo em risco a sua saúde. Poderá sofrer uma deficiência nutricional, inflamar o intestino e, o pior: a tendência é que todo o peso volte após cessar o uso do chá. Não vale nada a pena.

Indicações e contraindicações do sene

O ideal é utilizar como um medicamento emergencial, em casos de prisão de ventre. Prevalece, então, a uma alimentação equilibrada e a prática de exercícios físicos.

O sene é contraindicado a idosos e crianças, pessoas com inflamações intestinais, gestantes e lactantes. Mulheres durante a menstruação também não devem consumir o sene.

Como preparar o chá de sene
Ingredientes
- 150 mL de água (uma xícara)
- 1 colher de chá de folhas de sene secas

Modo de fazer
1. Numa panela, despeje os 150 mL de água.
2. Leve ao fogo e ferva a água com as folhas secas durante 5 minutos.
3. Cubra, deixando a mistura abafada por 15 minutos.
4. Depois, você pode coar e ingerir quando estiver morno. Pode-se adoçar.
5. Em geral, o efeito do chá de sene demora 6 a 10 horas para ser sentido.

Um comentário:

  1. Desconhecia esse chá de sene. Obviamente não serve pra todos e pra alguns pode ser prejudicial. Que bom que você informa isso. A maioria dos blogs simplesmente aponta só a próxima grande onda sem preocupar com informar. Parabéns. Buscamos informar em nosso site sobre chá detox pra evitar os mal entendidos que recheiam a internet. Visite nos e deixe sua opinião por la.

    ResponderExcluir